Pesquisar neste blogue

A carregar...

quarta-feira, 25 de maio de 2011

Americano que maltratou latinos pode ser condenado a 55 anos de prisão

Um americano de 20 anos foi declarado culpado de crime de racismo por ter aterrorizado e maltratado vários latinos, aos quais perseguiu e feriu com sua caminhonete, informou nesta sexta-feira o departamento de Justiça americano. Em 20 de junho de 2010, Frankie Maybee e um cúmplice, que se declarou culpado, começaram a proferir "insultos racistas" contra um grupo de latinos em um posto de gasolina. Depois, começaram a persegui-los com sua caminhonete, ameaçando-os pela janela. Seu veículo acabou batendo contra uma árvore. Várias vítimas ficaram feridas, uma delas com gravidade. "Os acusados procuraram os cinco homens porque eram latinos, e o veredicto de hoje mostra que o departamento de Justiça está decidido a punir quem cometer atos de ódio por causa de raça ou de origem", declarou Thomas Perez, promotor-adjunto. Maybee pode ser condenado a uma pena de até 55 anos de prisão por ter infringido a lei de Prevenção de Crimes por Discriminação", adotada em 2009, que leva o nome de um jovem assassinado por sua condição de homossexual, em 1998, e de um negro, assassinado por dois brancos no mesmo ano no Estado do Texas. Segundo o departamento de Justiça, é a primeira vez que o tribunal condena alguém sob esta lei.

Sem comentários:

Enviar um comentário